Arquivo da tag: tigre

Especial

Me fez lembrar de alguém.

Do brilhante João Montanaro.

Etiquetado , , ,

Essa é nova

Ontem o tigre quis dormir com uma p’tá (batata).

 

Camila Teixeira

 

 

Etiquetado , ,

Geradores

Eu já tinha visto isso na televisão, mas hoje foi a primeira vez que vi o tigre tentar ligar a tomada de um eletrodoméstico no nariz (no meu).

De fato, estou cheia de energia.

 

Camila Teixeira

Etiquetado , ,

Vazio

Poucas coisas podem ser mais tristes do que perder a pelúcia preferida do seu bebê no meio da multidão.

 

Camila Teixeira

Etiquetado , ,

Verdades

Passou esse comercial na televisão:

 

O tigre olha para a Natalie Portman, aponta para ela e diz: ma-ma, ma-ma.

Verdade. Pareço muito.

 

Nada melhor para o ego do que os olhos do seu filho.

 

Camila Teixeira

Etiquetado , , , ,

Aviso

Para quem acha que o maior mistério do universo é/são:

  • a própria formação do universo
  • o funcionamento do cérebro humano
  • as profundezas do oceano
  • as leis da física
  • a peruca do Sílvio Santos

Aqui vai um alô:

Engano seu (meu).

O maior mistério do universo é algo muito mais simples, próximo, cotidiano e cuti-cuti. Esse mistério se chama: bebê.

Aceite.

 

Camila Teixeira

Etiquetado , , , ,

TOC de gaveta

Há algumas semanas, o tigre desenvolveu uma mania de arrumação de dar inveja a sua tia que tem TOC de organização. É vassoura, paninho, pá, pregador. Atualmente, duas buchas, uma bacia e um pano de chão estão entre seus brinquedinhos campeões. O problema é que a arrumação de um tigre não é exatamente a mesma de um humano adulto. E cada vez que ele resolve arrumar algo, fico de cabelo em pé.

Atualmente, o tigre tem como alvo preferido as gavetas. Dizem que o estado de arrumação da gaveta de uma pessoa é equivalente ao estado de ordem em sua vida. Não é difícil concluir, portanto, que o atual estado de arrumação da minha querida vida é nulo, visto o rebu dos meus pertences. Já desisti de tentar ordenar minhas peças após as incursões do tigre pelo meu quarto. No início, até que, vai, coragem, dobrava uma por uma antes de colocá-las de volta na gaveta. Porém, contra minha vontade, fui obrigada a colocar um fim nessa repetição absurda. De nada adianta arrumar bonitinho se, 20 minutos depois, minhas peças estarão novamente espalhadas pelo corredor.

Mas lá onde dói, onde pega na alma, é que o tigre tem uma obsessão. Seu alvo preferido é minha gaveta de meias e sutiãs. Em tempos juvenis, não ligaria muito, dado que o tigre era eu. Mas de uns tempos pra cá, enfim, tô velha.
Às vezes, deixo a fera passear sozinha pela casa. Quando ela está muito quietinha, é sinal de que as coisas não vão bem. Quando vou ver, minha dignidade está por todos os cômodos do apartamento.

Sei que devo me satisfazer e até me alegrar com a ideia de que, por enquanto, é apenas a gaveta que está em desordem. É fase. Em breve, vai piorar. É o que dizem.

***

UPDATE: mas daí, enquanto estou verificando meus emails, o tigre vem me trazer meu pijama na sala, me dizendo ma-ma, ma-ma. suspiros infinitos.

Camila Teixeira

Etiquetado , , , , ,