Boas notícias

Há dois dias, fiz o post abaixo, que coloquei nas minhas redes sociais, assim, de brincadeira, para ver se alguém se candidatava a responder. Curiosamente, recebi zero resposta. Minha primeira reação é pensar que minha presença nas redes sociais é irrelevante, afirmação que me parece perfeitamente possível e que justificaria o número de respostas que obtive. Mas, em seguida, considerei que, apesar de possível, não era a mais apropriada, afinal, vez ou outra, o mundo interage virtualmente comigo e a gente troca umas figurinhas fofas.

E se não é isso, sobram dois grupos de hipóteses a considerar.

 

GRUPO A – Sobre as boas notícias

a) Ninguém quer dividir suas boas notícias, o que seria algo muito triste, ou

b) As boas notícias estão em falta, o que seria pior, ou

c) A gente não sabe identificar as boas notícias, o que seria desesperador.

 

GRUPO B – sobre as redes sociais

a) Meus contatos têm mais o que fazer, além de responder meus posts bobos, o que seria compreensível e demonstraria que as redes sociais são uma perda de tempo, ou

b) Nas redes sociais, cada um só olha o próprio perfil, o número de retuites, curtidas e afins que recebe, sendo todo o restante spam e orkutização, o que seria um bom reflexo da umbiguização da nossa era, ou

c) Eu não devia me preocupar com o número de respostas que obtive & bobagens similares, o que significaria que existir virtualmente é totalmente desnecessário & nova fonte de angústia, ou

d) Existir virtualmente = existência de fato, o que, nesse caso, demonstraria como devo progredir na vida.

 

Estou profundamente desnorteada.

Alguém, por favor, me dê uma boa notícia.

 

Camila Teixeira

Anúncios
Etiquetado

6 pensamentos sobre “Boas notícias

  1. Que estranho Titis, porque eu respondi seu post anterior dizendo que eu e a mãe estaríamos chegando na França logo logo pra te dar abraços e beijos.
    Aí pensei:

    A) se você recebeu esta suposta boa notícia, mas não a considerou como tal, então significa que nossa chegada aí talvez não seja uma boa notícia pra ti, o que pode causar problemas familiares porque vamos ficar um tempo considerável, hehehehe;
    B) se você não recebeu a mensagem anterior, fico menos preocupada…

    Beijos

  2. Só na sua cabeça disse:

    estranho, muito estranho. não recebi seu comentário anterior. devo considerar ainda a hipótese de ter alguém querendo atrapalhar minhas experiências antropológicas-internéticas. não permitirei. e tá chegando a hora, hein?? tamo aqui esperando. bjs!

  3. Helena disse:

    Ah, eu vi tua mensagem no twitter e fiquei pensando numa boa notícia que te interessasse, mas a única boa notícia que tenho é a do meu novo emprego que começo amanhã, o que eu achei que era uma boa notícia umbiguística e que não ia fazer diferença pra tua vida, então, acabei não contando :/

    Mas acho que devem ter várias boas notícias por aí, a gente que é meio condicionado (ou levado pelas mídias) a só ler o que é notícia ruim :/

    Concordo com essa tua frase, acho que tem muita verdade nela, principalmente na parte que diz “fonte de angústia”: “Eu não devia me preocupar com o número de respostas que obtive & bobagens similares, o que significaria que existir virtualmente é totalmente desnecessário & nova fonte de angústia.

    Beijos e boas notícias pra ti 😛

    • Só na sua cabeça disse:

      helena, veja. eu pedi uma boa notícia e não uma boa notícia que me interessasse. notícias umbiguísticas são ótimas notícias! que bom pra ti, boa sorte no teu novo trampo! espero que goste e que dê tudo certo! (dará).
      do meu lado, tenho algumas quase-boas notícias. se rolar, te contarei (mesmo se vc não pediu ; ). bjs

      • Helena disse:

        Ah, que bom, uma quase-boa-notícia já me deixa feliz. Vou ficar torcendo para que role e, sim, me conte!! :))
        Beijos e boa empreitada

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Anúncios
%d blogueiros gostam disto: